A RETÓRICA NA ORATÓRIA MAÇÔNICA

A RETÓRICA NA ORATÓRIA MAÇÔNICA
A palavra Retórica, do grego “rhetoriké”, significa a arte de utilizar a linguagem em um determinado discurso persuasivo, por meio do qual se pretende convencer a platéia ou o plenário, da verdade sobre algo que está sendo dito.
Trata-se, portanto, de uma técnica argumentativa, a qual não se baseia na lógica, nem mesmo no conhecimento, mas tão somente na habilidade e eloquência do Orador em empregar seu verbo para impressionar, favoravelmente, o público – alvo.
Os sofistas gregos foram os sistematizadores da Retórica. Por sua vez, a Ordem Maçônica classifica a Retórica como uma das sete ciências, cujo conhecimento poderá produzir bons resultados.
Todavia, sem entrar no mérito, essa questão nos remete a alguns Irmãos que, não raro, priorizam a Retórica em detrimento do conteúdo.
Muitas vezes, o Irmão, de forma bastante eloquente, faz uso da palavra em uma Sessão Maçônica apenas para reproduzir o que já foi dito anteriormente por outro Irmão. Para “não perder a viagem”, ele diz que faz suas, as palavras do seu antecessor, não se importando se a Sessão já possui duas, três ou mais horas de duração. O bom senso está muito longe dali.
Hodiernamente, o conhecimento maçônico precisa preceder à Retórica, mormente em se tratando de Orador de Loja Maçônica.
Finalmente, não nos esqueçamos de que o uso do conhecimento com simplicidade é, em Maçonaria, o melhor instrumento para o aprendizado dos Irmãos e o sucesso da Loja.
Fraternalmente,
AILDO VIRGINIO CAROLINO
SECRETÁRIO ESTADUAL DE GABINETE
Boletim Nº 394, de 30 de Abril de 2013.
WP2FB Auto Publish Powered By : XYZScripts.com